Aconteceu

Manifestação reúne 70.000 mulheres contra a violência

 

Da redacção

8 de outubro de 2016, Rosário – Argentina

Fotografia de: Periódico Vas

A Argentina, mas concretamente a cidade de Rosário, assistiu entre o pretérito dia 8 de outubro de 2016, à 31ª edição do Encontro Nacional de Mulheres.
O evento foi promovido e organizado pelos vários movimentos sociais e feministas sediados na Argentina. Este encontro contou com a presença de mais de 70.000 mulheres oriundas dos vários países da América Latina, bem como do resto do mundo.
Os temas debatidos foram: o feminícidio; o aborto; a diversidade sexual e as políticas neo liberais e as políticas vigentes contra os direitos das mulheres

As mulheres travestiram-se de bruxas para afugentar a violência machista

Como uma das formas de protesto, a imagem mostra-nos mulheres simbolicamente vestidas de bruxas a assinalarem a guerra enfrentada pelas mulheres que a todo minuto estão sujeitas por parte dos homens, sejam maridos, companheiros, namorados, amantes ou até predadores com os quais se cruzam em cada dia das suas vidas.

Por se mostrar oportuno publicamos uma nota de um estudo elaborado pela OMS – Organização Mundial de Saúde, a qual mostra os alarmantes números que envolvem a violência sobre as mulheres:  Tras examinar una serie de estudios realizados antes del año 1999 en 35 países, se comprobó que entre el 10% y el 52% de las mujeres había sufrido maltrato físico por parte de su pareja en algún momento de su vida, y entre el 10% y el 30% había sido víctima de violencia sexual por parte de su pareja. Entre el 10% y el 27% de las mujeres declaró haber sido objeto de abusos sexuales, siendo niñas o adultas.
 
Recordamos que a cada dois minutos cinco mulheres são espancadas no Brasil.