Editorial

 

 

 

magdala.comunidaria@gmail.com

A primeira e-Magazine de 2018, a nº 9, consolida a luta por Direitos Humanos fundamentais para as pessoas que estão inseridas ou submersas nos trabalhos mais ocultos, feminizados e desvalorizados das sociedades do mundo: o Trabalho Doméstico e o Trabalho Sexual.
Nesta edição, apresentamos mais uma reportagem dos Debates realizados com a sociedade civil de Portugal, sobre o tema: Legalizar, ou não, a prostituição em Portugal?
Em Ecos da Desigualdade, felicitámos a iniciativa única em 2017, a Audiência Pública sobre o Trabalho Doméstico Digno na Assembleia da República Portuguesa.
Na rubrica Aconteceu, publicamos um resumo da polémica carta liderada por Catherine Deneuve, trazendo à tona o confronto com as ondas conservadoras e puritanas que crescem em todos os espaços ditos civilizados e protagonizados pelo proclamado universo desenvolvido.
Das legalizações, das não-criminalizações e das liberdades (além das sexuais), esta e-magazine Nº 9 , vem parir toda esta luta…

Saudações acolhedoras,

Maria Magdala
Da Direção da ComuniDária